Entre em contato

(61) 3035-8200

(61) 99873-0700

Funcionamento

SEG-QUI • 8h às 18h
SEX • 8h às 17h

Blog Oncotek

O papel da Nutrição na Oncologia

19 de julho de 2017

É comum pacientes em tratamento oncológico apresentarem efeitos colaterais em seu organismo, que podem variar entre: mucosite, constipação, vômitos, esofagite, náuseas, boca seca, alterações de paladar, entre outros. Esses efeitos comumente compreendidos como a toxicidade do tratamento, interferem em diversos aspectos da vida do paciente, principalmente em sua rotina alimentar.

A intervenção nutricional em pacientes oncológicos, além de auxiliar na diminuição desses efeitos colaterais do tratamento, também contribui para a potencialização dos resultados das terapêuticas empregadas.

Durante todo o acompanhamento o nutricionista oncológico busca trazer o entendimento do porquê evitar certos alimentos e a necessidade de inserção na dieta de outros, visando empoderar e compreender o perfil do paciente. Dessa forma, o processo de readaptação alimentar torna-se mais próximo de sua realidade e preferências, não causando uma ruptura desconfortável em sua rotina.

É importante lembrar que a nutrição oncológica atua dentro de uma perspectiva multidisciplinar, e para cumprir seu papel de promoção de saúde de forma eficiente, necessita da parceria entre paciente, cuidadores, familiares e demais profissionais envolvidos.

Talita Neves, especializada em Nutrição Oncológica e Nutricionista da Oncotek afirma que a dietoterapia adequada age de forma decisiva na qualidade de vida do paciente, uma vez que a elaboração de uma dieta rica e com os nutrientes necessários para equilibrar os efeitos da toxicidade, também auxilia na melhor absorção dos medicamentos.

“Pacientes com boa saúde nutricional e melhores condições musculares são capazes de absorver de maneira mais eficiente a medicação e costumam responder melhor ao tratamento.”

Drª Talita Neves- Nutricionista

 

 

 

Quando devo começar o acompanhamento Nutricional?
O acompanhamento com o nutricionista deve ser iniciado juntamente com o tratamento oncológico, a fim de sanar as primeiras dúvidas sobre hábitos alimentares que deverão ser adotados pelo paciente conforme sua necessidade. A partir desse momento, será realizada a primeira avaliação nutricional e início do monitoramento para manter ou ajustar o plano de cuidado nutricional.

Algumas dicas de Nutrição para pacientes que já se encontram em tratamento oncológico compartilhadas pela nossa Nutricionista:

  • Evitar o consumo de alimentos industrializados;
  • Adquirir o hábito de ler o rótulo dos produtos antes de comprar;
  • Ingerir alimentos ricos em fibras;
  • Diminuir a ingestão de açúcar, sódio e excesso de gordura;
  • Manter uma boa hidratação (em média 2l de água por dia);
  • Evitar o consumo de alimentos crus e derivados do leite fora de casa devido o risco de contaminação;
  • Higienizar bem os alimentos antes de consumir;
  • Realizar uma correta higienização da boca antes e depois de se alimentar (bochecho com chá de camomila antes das refeições é recomendado para prevenção de mucosite).
  • Gostou do nosso conteúdo? Curta nossa fanpage e compartilhe com os amigos nas redes sociais!

Remodal